Developed by JoomVision.com
banner
banner
banner
banner

GOVERNO VETA REESTRUTURAÇÃO DE CARREIRAS DO INCRA, PREJUDICANDO PÚBLICO BENEFICIÁRIO, ÓRGÃO E SERVIDORES

Ao sancionar o Orçamento de 2019, que tem uma previsão de receita da União de cerca em R$ 3,3 trilhões, o presidente Jair Bolsonaro aplicou dois vetos, sendo que um deles acaba com a destinação de...

Leia mais...

CNASI-AN ORIENTA SERVIDORES A AVALIAREM APOSENTADORIA PARA GARANTIR TOTALIDADE DE REMUNERAÇÃO E SE PROTEGEREM DA PERDA de DIREITOS

Por conta de acordo assinado em 2015, entre Ministério do Planejamento e CNASI-AN, ficou definido que em janeiro de 2019 os servidores do Incra da carreira de Reforma e Desenvolvimento Agrário que se...

Leia mais...

CNASI DIVULGA ATA DE ASSEMBLEIA NACIONAL E HISTÓRICO DA CAMPANHA PELA REESTRUTURAÇÃO DE CARREIRAS, COM RESULTADOS OBTIDOS

A CNASI-AN divulga a Ata da ASSEMBLEIA NACIONAL – ocorrida em Brasília, nos dias 22 e 23 de novembro de 2018 -, na qual são relatandos os debates (com destaque para o tema "reestruturação de carreiras",...

Leia mais...

REUNIÕES NO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO E COM SUPERINTENDENTES DO INCRA INDICAM QUE A MOBILIZAÇÃO DOS SERVIDORES É IMPRESCINDÍVEL NA LUTA PELA REESTRUTURAÇÃO DAS CARREIRAS

A busca por apoio político-parlamentar foi amplamente destacada nas duas últimas reuniões, no Ministério do Planejamento e com os superintendentes regionais do Incra, como uma via importante para se...

Leia mais...

GOVERNO VETA REESTRUTURAÇÃO DE CARREIRAS DO INCRA, PREJUDICANDO PÚBLICO BENEFICIÁRIO, ÓRGÃO E SERVIDORES

incra sede 2Ao sancionar o Orçamento de 2019, que tem uma previsão de receita da União de cerca em R$ 3,3 trilhões, o presidente Jair Bolsonaro aplicou dois vetos, sendo que um deles acaba com a destinação de recursos para a reestruturação de carreiras do Incra. Essa decisão prejudicou os cerca de nove mil servidores da autarquia (entre ativos e aposentados), o próprio órgão (que vai continuar deficitário, sem investimento e melhoria do ânimo da força de trabalho) e o público beneficiário – que é de cerca de 30 milhões de brasileiros, incluindo os proprietários dos 6,5 milhões de imóveis rurais particulares do Brasil, os cinco milhões pessoas assentadas, além dos outros milhões de quilombolas, ribeirinhos, acampados, moradores de reservas extrativistas, posseiros, etc.

 

CNASI-AN ORIENTA SERVIDORES A AVALIAREM APOSENTADORIA PARA GARANTIR TOTALIDADE DE REMUNERAÇÃO E SE PROTEGEREM DA PERDA de DIREITOS

charge esmola aposentadoPor conta de acordo assinado em 2015, entre Ministério do Planejamento e CNASI-AN, ficou definido que em janeiro de 2019 os servidores do Incra da carreira de Reforma e Desenvolvimento Agrário que se aposentarem podem garantir a integralidade da remuneração, ou seja, poderão receber cem por cento da Gratificação de Desempenho de Atividade de Reforma Agrária (Gdara), pois o Vencimento Básico já recebem na totalidade. Além disso, devido às incertezas quanto à manutenção deste e outros direitos no Governo Bolsonaro, a Diretoria da CNASI-AN orienta os servidores a analisarem seriamente a possibilidade de se aposentarem ainda no mês de dezembro de 2018, pois desta forma em janeiro de 2019 têm direito a incorporar cem por cento da remuneração e evitar a perda de direitos com uma futura mudança de regras para aposentadoria.

 

CNASI DIVULGA ATA DE ASSEMBLEIA NACIONAL E HISTÓRICO DA CAMPANHA PELA REESTRUTURAÇÃO DE CARREIRAS, COM RESULTADOS OBTIDOS

IMG-20181127-WA0027A CNASI-AN divulga a Ata da ASSEMBLEIA NACIONAL – ocorrida em Brasília, nos dias 22 e 23 de novembro de 2018 -, na qual são relatandos os debates (com destaque para o tema "reestruturação de carreiras", já que este teve ampla participação da base de servidores neste ano) e deliberações do evento. Dois outros temas polêmicos também foram amplamente debatidos pelos delegados, que são: transformar a CNASI-AN em sindicato nacional e o projeto de unificação do Incra, SEAD, SPU, ICMBio e Funai em uma única estrutura diretamente ligada à Presidência da República.

   

Blogs das Regionais

Últimas das Regionais

Developed by JoomVision.com
  • A equipe de futebol society da Associação dos Servidores do INCRA no Pará (ASSINCRA/PA), com sede em Belém, no dia 11 de novembro de 2018 venceu a equipe da SPU por 6 x 5 e garantiu classificação para disputar a semifinal da Copa da Integração, a ser realizada na manhã do dia 25 de novembro de 2018, com o time do Instituto Evandro Chagas / Fundação Santa Casa. A final do torneio vai ocorrer no dia 2 de dezembro de 2018, às 9 horas.

    Leia mais...
  • A reunião teve como objetivo discutir quatro pontos. O primeiro, a atual conjuntura de desmobilização das associações regionais e encaminhamento de estratégias e formatos de mobilização e organização dos trabalhadores; a segunda, debater a conjuntura e as táticas de enfrentamento aos ataques gerais e específicos da categoria dos trabalhadores do Incra; a terceira, atualizar o plano de lutas nacional unificado da carreira agrária representada pela CNASI-AN; A quarta teve como objetivo discutir a restruturação da carreira e recomposição salarial, de acordo com o já produzido nos variados GTs criados nesses últimos anos.

    Leia mais...
  • Os servidores do Incra do Rio de Janeiro, associados e associadas da Assincra Rio, decidiram em assembleia se desfiliar do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Federal – (SINTRASEF-RJ), por considerarem ilegítima a diretoria que ora se apoderou da respectiva entidade.

    Leia mais...
  • A Diretoria da Associação dos Servidores do Incra do Paraná (Assincra/PR) enviou mensagem para a Chefia de Gabinete da Presidência do Incra solicitar uma agenda com o presidente Leonardo Góes com o objetivo de entregar em mãos ofício requerendo a nomeação de um Servidor de Carreira para o cargo de Superintendente nesta Regional.

    Leia mais...
  • Os alimentos e materiais de limpeza e higiene pessoal doados pelos servidores do Incra/PB durante o evento em comemoração ao Dia das Mães promovido na semana passada foram entregues, na manhã desta sexta-feira (19), à Administração da Vila Vicentina Júlia Freire, instituição sem fins lucrativos que funciona desde 1944 no bairro da Torre, em João Pessoa, e abriga 66 idosos com idades entre 60 e 99 anos.
        

    A Assincra/PB foi representada por sua presidente, Ellen Silva, e ainda por Kalyandra Vaz e Emanuella Silva.
        

    Como organização filantrópica, a Vila Vicentina depende de doações e do trabalho voluntário para manter seis refeições diárias e assistência aos idosos nas áreas médica, odontológica, fisioterapeutica e psicológica. Uma parceria com universidades privadas possibilita o trabalho de estagiários na área de saúde. Mas, o dinheiro é pouco para manter em dia o salário de 30 funcionários e cobrir os gastos do abrigo.

    “As doações são muito importantes porque assim podemos utilizar o dinheiro que vem da contribuição de cada idoso para comprar outras coisas que estejam faltando”, afirmou a costureira aposentada Maria Alice Celani, 87 anos, há dez na Vila Vicentina.
      

    Com problemas nas cartilagens dos joelhos, ela faz três sessões de fisioterapia por semana sem precisar deixar o abrigo, nem pagar nada.
      

    “Vim por conta própria. Eu visitei outros lares, mas gostei mais daqui. Aqui é minha segunda casa. Adotei todos aqui como membros da minha família. Aqui todos se preocupam com todos”, contou, acrescentando que sempre está fazendo alguma coisa por algum colega do abrigo.
        

    De acordo com a Administração da Vila Vicentina, a maior necessidade atualmente é de materiais de limpeza, como sabão em pó para lavagem de roupas, água sanitária, amaciante, desinfetante e detergente. Os complementos e suplementos alimentares também estão entre os itens com maior necessidade de doações devido ao alto custo.
        

    Ao se despedir do grupo da Assincra/PB, Dona Maria Alice convidou todos os servidores do Incra para a já tradicional festa em comemoração aos aniversariantes do mês realizada na tarde do último domingo de cada mês na Vila Vicentina. A próxima está marcada para o dia 28. “Vocês gostam de dançar? Sempre tem feijoada e banda. É muito bom!”, afirmou.  
      

    As pessoas que se interessarem em fazer uma visita aos idosos do abrigo serão bem-recebidas de segunda a sexta-feira, das 14h às 16h30, e aos sábados e domingos, das 10h às 11h30 e das 14h às 16h30.  
      

    A Vila Vicentina está localizada na Rua Etelvina Macedo de Mendonça, 327, no bairro da Torre, em João Pessoa. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 3224-6988.
     

       

    Assessoria de Comunicação da Assincra/PB

    Leia mais...

Links Úteis

sindsepdfasseraincracutfassincracnasi_lutas