Últimas

GREVE NO INCRA EM BRASÍLIA INICIA A TODO VAPOR

PDFImprimirE-mail

Escrito por Cnasi Nacional Qui, 29 de Abril de 2010 20:30

Tanto na Sede nacional do Incra, no Setor Bancário Norte, quanto na Superintendência Regional do Distrito Federal e Entorno (SR-28), o primeiro dia de greve dos servidores da autarquia foi bastante movimentado e com apoio expressivo de colegas do quadro, bem como de integrantes de movimentos sociais, sindicatos e parlamentares. [caption id="attachment_100" align="alignnone" width="300" caption="Servidores da SR-28 atentos aos informes"][/caption] Nos dois locais o dia dos servidores em greve começou bem cedo, com café da manhã reforçado passando por informes, discursos, mensagens e declarações de apoio, reuniões com gestores. Almoço também foi servido aos servidores e apoiadores do movimento paredista. Entre as manifestações de apoio de movimentos sociais que defendem a reforma agrária, a de Pedro Firmino, representante da Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Fetraf) no evento, foi a mais contundente. “Vamos radicalizar a greve dos servidores do Incra. É preciso parar tudo para o Governo compreender a importância deste órgão. É necessário fortalecer o Incra para que a reforma agrária vá em frente. Nisso, os movimentos sociais apoiam integralmente os servidores”, opina o líder da Fetraf, durante discurso em ato em apoio à greve realizado na SR-28. [caption id="attachment_101" align="alignnone" width="300" caption="Pedro Firmino pediu radicalização do movimento"][/caption] Presentes ao evento estavam ainda representantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Distrito Federal e Entorno (Fetadfe). [caption id="attachment_102" align="alignnone" width="300" caption="Marcão (esq.) disse apoiar a luta dos servidores"][/caption] A exemplo do presidente do Incra, Rolf Hackbart – que em 15/4 disse durante reunião com servidores, no Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), estar de acordo com o estabelecimento da equivalência de remuneração entre as carreiras na autarquia, bem como o fortalecimento do órgão –, o superintendente da SR-28, Marco Aurélio Rocha, declarou total apoio ao movimento “Isonomia e Reestruturação JÁ!”, lançado em 5 de maio. Marcão, como é conhecido pelos servidores, se mostrou preocupado com o atual estado da autarquia. “Do jeito que está o Incra vai acabar. Irá chegar ao extermínio se continuar a não ser valorizado como deve. Isso é ruim também para a reforma agrária, movimentos sociais e o Brasil, de forma geral”, afirma. O superintendente, no cargo desde o início deste mês de abril, é servidor do Incra há 28 anos. [caption id="attachment_105" align="alignnone" width="225" caption="Deputado Pedro Wilson se colocou à disposição"][/caption] Outro importante apoio à greve dos servidores do Incra foi o do deputado federal Pedro Wilson (PT/GO), também presente ao evento. “Coloco meu escritório à disposição dos servidores do Incra para que possamos fortalecer esta instituição. Precisamos avançar na reforma agrária, que é feita apenas com um Incra forte e servidores valorizados”, assegura o parlamentar. [caption id="attachment_107" align="alignnone" width="300" caption="Cardoni dá informes na Sede"][/caption] Na sede do Incra o diretor nacional da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), Edison Cardoni, deu informes sobre a atuação da entidade em relação aos movimentos grevistas nos últimos dias e esclareceu dúvidas dos presentes. Greve pelo Brasil A maioria das 30 Superintendências Regionais do Incra está com forte mobilização no sentido de parar definitivamente as suas atividades, como forma de pressionar o governo a reabrir as negociações com propostas efetivamente fortalecedoras do órgão. [caption id="attachment_110" align="alignnone" width="300" caption="Servidores do Goiás em GREVE!"][/caption] Entre esta sexta-feira (30) e a próxima quarta-feira (5/5) todas as Superintendências devem já ter se definido pela greve ou não. Marabá (PA), Goiás, Sede (Brasília), DF e Entorno, Rio de Janeiro e Espírito Santo já aderiram ao movimento grevista. Nesta segunda-feira (3/5), iniciam o movimento paredista o Incra nos estados de São Paulo, Rondônia e Rio Grande do Norte. Também na segunda-feira (3/5) vão acontecer assembleias para definir posicionamento no movimento os estados do Paraná, Tocantins, Minas Gerais. A adesão ao movimento está diretamente ligada ao resultado da reunião que vai ocorrer entre os servidores do Incra e a Secretaria de Recursos Humanos, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), para retomar as negociações encerradas, em fevereiro último, unilateralmente pelo Ministério. Essa reunião vai acontecer dia 5 de maio, às 10h30min, com o secretário de recursos humanos do MPOG, Duvanier Ferreira. No encontro, a Confederação Nacional das Associações dos Servidores do Incra (Cnasi) vai defender junto ao MPOG a isonomia e reestruturação das carreiras no Incra, como pré-condições ao seu fortalecimento. Fonte: Ascom Cnasi / Assera-BR
 

NOTÍCIAS SOBRE A GREVE NO INCRA GANHAM DESTAQUE NA MÍDIA DE TODO O PAÍS

PDFImprimirE-mail

Escrito por Cnasi Nacional Qui, 29 de Abril de 2010 18:20

Diversos meios de comunicação de todo o Brasil divulgaram nesta quinta-feira (29) informações sobre o movimento grevista dos servidores do Incra em busca de fortalecimento da autarquia. Preocupações do Governo sobre os rumos da paralisação das atividades e as reivindicações dos servidores, bem como os prejuízos que o movimento pode causar aos serviços prestados pelo Incra foram os pontos mais destacados. Confira abaixo alguns links de reportagens sobre o assunto http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2010/04/29/brasil,i=189554/SERVIDORES+DO+INCRA+INICIAM+GREVE+E+PLANEJAMENTO+DIZ+QUE+NEGOCIACOES+ESTAO+ABERTAS.shtml http://www.orm.com.br/plantao/noticia/default.asp?id_noticia=468654 http://www.fenatracoop.com.br/site/2010/04/servidores-do-incra-se-mobilizam-em-busca-de-reajuste-salarial/ http://assincrasp.wordpress.com/ http://agenciabrasil.ebc.com.br/ultimasnoticias?p_p_id=56&p_p_lifecycle=0&p_p_state=maximized&p_p_mode=view&p_p_col_id=column-1&p_p_col_count=1&_56_groupId=19523&_56_articleId=938431 http://agenciabrasil.ebc.com.br/home;jsessionid=8B3B9AECF218FBC8CAC49BA4C2DE7A66?p_p_id=56&p_p_lifecycle=0&p_p_state=maximized&p_p_mode=view&p_p_col_id=column-2&p_p_col_pos=2&p_p_col_count=3&_56_groupId=19523&_56_articleId=936021 http://agenciabrasil.ebc.com.br/ultimasnoticias;jsessionid=61AD11E6F29805D237293B4B436F1E4D?p_p_id=56&p_p_lifecycle=0&p_p_state=maximized&p_p_mode=view&p_p_col_id=column-1&p_p_col_count=1&_56_groupId=19523&_56_articleId=936120 Fonte: Ascom Cnasi / Assera-BR
 

ATO DE SERVIDORES DO INCRA EM BRASÍLIA DÁ INÍCIO À GREVE E PEDE FORTALECIMENTO DO ÓRGÃO

PDFImprimirE-mail

Escrito por Cnasi Nacional Qua, 28 de Abril de 2010 18:06

Como forma de iniciar o movimento grevista em Brasília os servidores da Superintendência Regional do Incra no Distrito Federal e Entorno (SR-28) farão nesta quinta-feira (29/4) um grande ato pelo fortalecimento e em busca equiparação de salarial e reestruturação das carreiras na autarquia. A partir das 10 horas, os servidores estarão reunidos no pátio da sede da SR-28 (SIA - Trecho 1 - lote 1730/1760, Blocos D e E) para declararem suas adesões ao movimento “Isonomia e Reestruturação JÁ!”, lançado em 5 de abril em todo o País. O evento contará com a presença de representações dos movimentos sociais de lutas pela terra e parlamentares identificadas com a causa. [caption id="attachment_87" align="alignnone" width="300" caption="Servidores do Incra em Brasília estão mobilizados"][/caption] Já na Sede nacional do Incra, no Setor Bancário Norte, os servidores farão mobilização e reunião para apresentar informes sobre as atividades e articulações realizadas pelo grupo de comando do movimento paredista. As atividades da manhã iniciam com café da manhã, passando por debates e aprovações de propostas, além de almoço. À tarde, novas reuniões com servidores de setores específicos serão realizadas. Greve A greve dos servidores do Incra em Brasília foi ratificada na segunda-feira (26/4), durante Assembleia Geral Extraordinária, como forma de pressionar o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) a reabrir as negociações e atender as reivindicações da categoria. A decisão ratificou um posicionamento tomado na quinta-feira (22/4). Uma reunião entre os servidores do Incra e a Secretaria de Recursos Humanos (SRH) do MPOG para retomar as negociações já foi confirmada e vai acontecer dia 5 de maio, às 10h30min, com o secretário de recursos humanos do MPOG, Duvanier Ferreira. As negociações haviam sido encerradas em fevereiro último, unilateralmente pelo Ministério. Com o movimento grevista, ficam paralisados ou com baixa atividade os serviços de assentamento de famílias, regularização fundiária na Amazônia Legal, Certificado de Cadastro de Imóvel Rurais (CCIR), georreferenciamento, assistência técnica, regularização de áreas quilombolas, entre outras atividades específicas do Incra. A decisão é consequência de um indicativo de greve aprovada pela Assembléia Geral Ordinária da Confederação Nacional das Associações dos Servidores do Incra (Cnasi), realizada no sábado (17/4), em Brasília. Fonte: Ascom Cnasi / Assera-BR
 
 

IMPRENSA NOTICIA GREVE DE SERVIDORES DO INCRA

PDFImprimirE-mail

Escrito por Cnasi Nacional Qua, 28 de Abril de 2010 17:59

O movimento grevista dos servidores Incra em busca de fortalecimento da autarquia e por uma equiparação salarial, além de reestruturação das carreiras, ganhou espaço na imprensa eletrônica e impressa nesta quarta-feira (28/9). Abaixo seguem alguns links de reportagens sobre o assunto. http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2010/04/27/brasil,i=189171/GOVERNO+SE+DIZ+SURPRESO+COM+GREVE+DOS+SERVIDORES+DO+INCRA.shtml http://www.clicabrasilia.com.br/site/noticia.php?id=278871 http://www.tribunadobrasil.com.br/site/?p=noticias_ver&id=19142 http://servidorpblicofederal.blogspot.com/2010/04/incra-entra-em-greve-partir-de-amanha-e.html http://www.jusbrasil.com.br/noticias/2166230/governo-se-diz-surpreso-com-greve-dos-servidores-do-incra http://www.coisasdemaceio.com.br/modules/news/article.php?storyid=18196 http://www.jornaldamidia.com.br/noticias/2010/04/27/Brasil/Servidores_do_Incra_se_mobilizam_.shtml http://www.portugaldigital.com.br/noticia.kmf?cod=9895542&canal=159
 

Documentos

PDFImprimirE-mail

Escrito por Cnasi Nacional Qua, 28 de Abril de 2010 16:16

LUTA PELO FORTALECIMENTO DO INCRA I – Considerações Iniciais As mobilizações dos servidores do INCRA, a despeito de suas justas reivindicações econômicas – razão de defasagens salariais e objeto de acordo pendente, celebrado com o Governo em 05 de março de 2008 – tem como substrato principal à necessária revitalização da Instituição para o cumprimento satisfatório de sua missão, mediante a (re)estruturação de suas carreiras, a recomposição de sua força de trabalho, bem como a promoção de padrões remunerativos dignos, para todas as categorias profissionais que compõem o seu quadro de pessoal, em termos de servidores ativos e inativos. Atender com respeito às reivindicações apresentadas por esses servidores em greve, sem submetê-los às retaliações de medidas de constitucionalidade duvidosa, como é o caso da aplicação, ao serviço público, da Lei que disciplina a greve na iniciativa privada, é um gesto de bom senso essencial à construção democrática de saídas para problemas de tamanha complexidade e de relevante interesse público. II – Atual situação do INCRA a)     Quadro de pessoal: 6.200 servidores, sendo 1.300 contratados a partir de 2005 e 3.900 remanescentes do antigo Plano de Carreira, já extinto. Dos novos servidores, integrantes das Carreiras de Reforma e Desenvolvimento Agrário, e Perito Federal Agrário, 400 já se demitiram e foram para outros organismos em razão dos baixos salários. Dos 3.900 remanescentes do antigo quadro, 40% encontra-se em processo de aposentadoria, o que significa que o INCRA, para o próximo ano, estará com o seu quadro de pessoal reduzido apenas a 4.140 servidores. b)     Demandas por serviços: enquanto o quantitativo de pessoal, nas duas últimas décadas, caiu de quase 9.000 para os atuais 6.200 servidores, as atividades da Instituição, somente em relação ao atendimento às famílias assentadas – que saíram de 300.000 para mais de um milhão, foram quadruplicadas, sem falar nas ações cadastrais e de regularização fundiária que adquiriram amplitude com a instituição do Programa Terra Legal. Consumadas essas aposentadorias, acrescidas dos continuados pedidos de demissão, este quadro se agravará acentuadamente, levando a Instituição a insolvência a curto e a médio prazo. c)     Negociações com a SRH/MP: deflagradas em julho de 2009, para processar a reestruturação das Carreiras do INCRA entre outras coisas, em razão do Termo de Acordo celebrado em março de 2008, foi, unilateralmente, interrompida em março do corrente ano. III - Proposta Cioso da atual situação, acima descrita, o Presidente do INCRA, através do Ofício/INCRA/P/N°548/2009, encaminhou ao Ministério do Planejamento, em 12 de novembro de 2009, pedido de isonomia salarial entre as carreiras do INCRA e a elevação de seus padrões remunerativos, conforme documento anexo. Esta proposta é a proposta defendida pela Confederação Nacional dos Servidores do INCRA. Brasília/DF, abril de 2010 A DIREÇÃO NACIONAL DA CNASI
 
 

Página 128 de 131

Blogs das Regionais

Links Úteis

sindsepdfasseraincracutfassincracnasi_lutas