INCRA E MDA PARALISAM ATIVIDADES EM 90 PORCENTO DAS SUAS UNIDADES NO BRASIL

PDFImprimirE-mail

IMG_3536_2A adesão dos servidores do Incra e MDA ao Dia Nacional de Lutas, realizado nesta quarta-feira (25/04), alcançou pouco mais de 90 porcento das unidades avançadas e superintendências regionais da autarquia, bem como das delegacias doministério.

 

  

Piquetes, passeatas, mobilizações e paralisações foram alguns dos tipos de atos públicos que os profissionais do Incra e MDA realizaram ou participaram em todos os cantos do Brasil, sempre em conjunto com servidores de outros órgãos e apoio dos sindicatos locais.

 

O objetivo do Dia Nacional de Lutas foi pressionar o governo a atender as reivindicações dos servidores públicos federais, em suas pautas gerais (concurso público, GQ e TR, bem como ampliação do valor do auxílio alimentação) e específicas – a exemplo da reestruturação de carreiras e melhoria dos padrões remunerativos.

 

Dia Nacional de Lutas foi convocado pelas 31 entidades de representação nacional dos servidores públicos, como a Condsef, e serviu ainda para mostrar a disposição dos profissionais para lutar por avanços nos processos de negociação com o governo.

 

No Incra e MDA, que passam por momentos cruciais (em termos remunerativos, de gestão e orçamento), a data serviu para mobilização e adesão de servidores aos movimentos reivindicatórios. Os relatos dos estados dão conta que o Dia Nacional IMG_3577_2de Lutas funcionou, pois a adesão foi em massa.

 

Na Sede do Incra, em Brasília, simplesmente não houve qualquer atividade significativa durante todo o dia, pois os cerca de dois mil profissionais (incluindo servidores, terceirizados e estagiários de todos os órgão do prédio) que trabalham no Edifício Palácio do Desenvolvimento ficaram em vigília nas imediações do local pela manhã. No início da tarde, servidores do Incra e MDA foram à Praça dos Três Poderes se juntarem a profissionais de outros órgãos para um ato em frente ao Palácio do Planalto, onde uma comissão com integrantes da entidade nacionais foi recebida pelo governo. Na Superintedência Regional do Incra para o Distrito Federal e Entorno (SR-28), que também fica em Brasília - mas atende além do DF, parte de Goiás e Minas Gerais -, a paralisação foi total, sendo que os servidores, juntamente com os da Sede, eram uns dos mais animados no ato realizado na Praça dos Três poderes, na Capita Federal.  

 

Confira abaixo vídeo feito no início da paralisação da sede do Incra, em Brasília, na "TV CNASI SERVIDORES", canal da Confederação criado no You Tube:

http://www.youtube.com/user/tvCNASIservidores?feature=watch

 

No Maranhão os servidores do Incra fizeram paralisação total das atividades. Durante o dia foram realizadas palestras de servidores representando alguns setores, que deram informes sobre suas atividades e as dificuldades enfrentadas na execução das mesmas, mostrando a importância do órgão na execução da Política de Reforma Agrária. A adesão à paralisação das atividades foi completa, sendo que os servidores permaneceram em vigília em frente ao órgão durante todomara_paralisa_25abril_12 o dia. O evento teve apoio do Sindsep/MA por meio de carro de som, faixas e alimentação. “A avaliação do evento foi muito positiva, tendo em vista que o objetivo maior foi atingido”, afirma Hulda Silva, da Assincra/MA. A Unidade Avançada em Imperatriz também parou as atividades.

 

Servidores da Superintendência Regional do Incra em Belém (SR-01) paralisaram em 100% as atividades do órgão, nesta quarta-feira (25/04), em adesão a mais um dia nacional de lutas organizado por um conjunto de entidades sindicais que coordenam a campanha salarial unificada dos servidores públicos federais. Durante toda a manhã desta quarta, os servidores do Incra participaram massivamente de um ato público organizado pelo Sintsep/PA. Após se concentrarem na Praça República, onde denunciaram o abandono e o descaso do governo federal para com o Incra e a reforma agrária, assim Ato_Rep_SR01_Servid_1227como o serviço público em geral, os manifestantes marcharam em passeata, junto com servidores de outros órgãos federais, até a secretaria do Ministério da Fazenda.

 

No estado de Mato Grosso os servidores do Incra paralisaram os trabalhos neste Dia Nacional de Lutas, como concentração em frente ao órgão das 7h30min e às 10h. Em seguida, foi feita uma caminhada juntamente com membros do MST, acampados na Superintendência Regional, até à praça Ulisses Guimarães, na avenida do CPA, onde estavam concentrados servidores federais mobilizados pelo Sindsep/MT para um ato publico unificado.

 

Servidores do Incra no Espírito Santo aderiram à paralisação nacional neste dia 25 de abril. A decisão de participar do ato foi tomada na assembleia da Assincra/ES, realizada no dia 23/04, em acatamento à convocação da Cnasi para aParalisacao_Nacional_SPF_120425_002mobilização de toda categoria na data. Em Goiás e Alagoas a paralisação foi completa também. Em Minas Gerais parou tudo também.

 

Em Tocantins, “como sempre acontece, sendo tradição e referencia em nossas lutas”, segundo Raimundo Oliveira, da Assincra/TO, a paralisação foi total. O ato foi marcado pela união das categorias no Estado, com Assincra/TO, Assinagro e AsseMDA, de forma espontânea e com adesão bastante significativa.

 

No Rio Grande do Norte os servidores aderiram à paralisação e poucos estiveram na Superintendência do Incra para trabalhar pela manhã. À tarde, simbolicamente os servidores do Incra no estado do Rio Grande do Norte aderiram ao Dia foto_2de Paralisação Nacional cruzando literalmente os braços em frente a sede da Superintendência Regional. Representantes de todas as divisões estiveram paralisados por todo o dia, como forma de mostrar sua Insatisfação com a situação precária em que se encontra o Incra.

 

No Rio de Janeiro os servidores se agregaram a atos com profissionais de outros órgãos. No Ceará, Mato Grosso do Sul e Marabá a paralisação foi total, sendo que os servidores do Incra e MDA destacaram-se nos atos promovidos pelos sindicatos locais. No Acre, a participação na paralisação foi expressiva na capital Rio Branco. O011_2 Sindsep/AC foi o grande parceiro do Incra e dos demais órgãos. Os servidores do Incra/AC participaram de palestras e atividades lúdicas

 

No Amazonas a paralisação dos servidores do Incra teve apoio do sindicato local, nas atividades e confecção de faixas e coletes identificando os profissionais da autarquia. No Paraná tudo ficou parado nesta quarta-feira. Em Santa Catarina pela manhã os servidores foram às salas convidar os colegas para participar de ato com vários órgãos à tarde, na capital Florianópolis. Em Pernambuco tudo parou, tanto na superintendência de Recife, quanto na de Petrolina.

 

No Rio Grande do Sul os servidores do Incra das duas carreira (Reforma e Desenvolvimento Agrário; Perito Federal Agrário) fizeram mobilizações e paralisações no prédio onde fica sediada a autarquia. A paralisação foi total. À tarde os profissionais se juntaram a outros servidores federais em ato público organizado pelo Sindserf/RS, Sintrajufe, Unafisco,paralisacao_incra_035_2Sindisprev, Sindfaz, Assurfrgs. O Incra ganhou destaque entre os presentes pelas faixas e os coletes verdes, com a frase “Incra na Luta”.

 

A Assincra/RO conseguiu mobilizar nesta quarta-feira (25/04) 90% dos servidores da Superintendência Regional, realizando discursos, palestras, com chefes de divisões falando de suas atividades no Incra. Houve também a presença do superintendente Luis Flávio Ribeiro no ato. Às 10 horas foi servido lanche para todos os presentes. “Estamos dando nota 10 ao nosso ato realizado hoje, que se estendeu por todo o dia. Saudações, ASSINCRA É PRÁ LUTAR!!!”, afirmou José Félix Almeida, presidente da Assincra/RO.

 

No Paraná os servidores se concentraram em frente ao prédio do Incra, em Curitiba, e em seguida participaram da passeata no Centro da cidade, junto com os servidores federais da UFPR (professores e funcionários), do IBGE, do INMETRO, da UTFPR, do Hospital de Clínicas e outros órgãos. O movimento teve boa participação e repercussão na mídia local. O representante dos Servidores do Incra no Paraná, se pronunciou sobre as reivindicações da categoria. Durante a tarde os servidores continuaram a paralisação, se concentrando na frente do prédio do INCRA e após participaram de uma reunião para debate do movimento.

 

Um panfleto que está fazendo sucesso entre os servidores do Incra e MDA foi amplamente divulgado nas unidades dos órgão em todo o Brasil. O material faz uma associação de uma música de sucesso mundial com a situação de descaso do Campanha_Salarial_2012_duplogoverno com os órgãos. Isso de um lado do material, pois do outro um texto crítico aponta os problemas e soluções para a autarquia e o ministério.

 

Um informe – produzido de forma conjunta pela Cnasi, Assinagro e AsseMDA –, foi repassado à sociedade brasileira, a mídia, movimentos sociais e servidores do Incra / MDA. O texto expõe o descaso das políticas de Reforma Agrária, Regularização Fundiária e Agricultura Familiar, bem como as reivindicações de valorização dos servidores com realização de concurso público e melhoria dos padrões remunerativos.

 

Acesse o informe abaixo:

O_anunciado_fim_da_Reforma_e_do_Desenvolvimento_Agrrio_no_Brasil.doc  

(Material atualizado às 15h40min, de 07.05.2012)

 

Fonte: Ascom Cnasi

Comentários  

 
0 #10 RE: INCRA E MDA PARALISAM ATIVIDADES EM 90 PORCENTO DAS SUAS UNIDADES NO BRASILErika 30-04-2012 10:51
Olá, Reginaldo. Gostaria de concordar com os colegas. Este cartaz não representa nossas reivindicações e não contribui em nada com a nossa luta. Nunca concordei em utilizar o humor para faltar com respeito as pessoas. Gostaria de saber se nossa reuniao ja foi agendada.
Citar
 
 
+3 #9 realmente um tiro no péRodrigo 29-04-2012 09:24
Eu também quase nào acreditei quando vi o cartaz! Infelizmente foi pra frente essa coisa horrorosa.
Citar
 
 
0 #8 RE: INCRA E MDA PARALISAM ATIVIDADES EM 90 PORCENTO DAS SUAS UNIDADES NO BRASILMarcelo/MG 27-04-2012 22:49
Caro amigo Camilo, acho que voce poderia contribuir muito mais com o movimento que não é do Reginaldo, nem tao somente de alguns servidores, a luta é toda nossa! Se existem erros, vamos corrigí-los, vamos propor as modificações devidas. A Plenaria Nacional do dia 26 foi democrática, voce poderia ter proposto lá uma outra arte, quem sabe, talvez voce tenha razao. Tenho certeza que voce tem muitos admiradores em seu blog, traga suas boas idéias na Plenaria Nacional do dia 21 e também por email antes disso. Falo como servidor: precisamos de sua ajuda também! Abraços amigo.
Citar
 
 
+1 #7 discordoCamilo 27-04-2012 19:50
reginaldo, infelizmente discordo de vc, um discuido como esse não deverua ocorrer, não há humor no planfeto, há sim uma tremenda falta de cultura e um grande incentivo à viol~enci a contra a mulher.
eu acharia legal o planfleto se fosse feito por esudantes de um grêmio de ensino fundamental ou no kmáximo médio, agora dizer que para servidores federais que desejam recebr 10 coto de reis por mês pauta sua luta numa arte medíocre daquela não dá pra engolir.
se não tinah otra arte distribuísse apenas as parte das reivindicações, esse panfleto ainda vai ser usado pr acabar com a pouca mora que ainda temos.
queria parabenizar a cnasi e as outra associações pela paralização, pelo trabalho em Bsb, mas tenho de ressaltar que este palnafleto não deve ser usado mais sob pena de enterrarmos nossas pretensões. abços Camilo
Citar
 
 
+2 #6 Criticas as panfleto da nossa campanhaJoão wagner 27-04-2012 14:16
Reginaldo,

já aparece as primeiras criticas na internet sobre o famigerado panfleto. Vamos tomar cuidado para não
repetirmos os erros de 2007, lembra, lançamento do plano safra. A tentativa foi boa, mas avaliando as consequências,
foi um tiro no pé.

Vamos rever essa arte, e ser mais criativos.

www.azulmarinhocompequi.com/
Citar
 
 
+2 #5 infeliz cartazCamilo 27-04-2012 09:17
Sou totalmente contra esse cartaz com a paródia da música sertaneja. Uma categoria de servidores federais que quer ser reconhecida nacionalmente como força de trabalho altamente qualificada se utilizar de um cartazinho chulo como esse só depõe contra a luta da categoria!!
Além de dar a impressão de que os servidores do Incra são uns trogloditas capazes de agredir uma mulher e ainda uma autoridade civil.O cartaz reduz a imagem dos sserdiroes do Incra a abestalhados contraproducent es que se vêm envolvidos por uma modismo tão acéfalo qutanto este hit atual.
Infeliz o cartaz e gostaria que o uso do mesmo fosse discutido com as bases antes de aparecer nas mãos da população.
Não precisamos de apelo popular, precisamos de força de convencimento de que o Incra é uma instiutição de nível, uma autarquia essencial no desenvolvimento agrário do país, que controla e ordena a estrutura fundiária nacional, fiscaliza o uso da terra, emite o ccir e desta forma é primordial ao desenvolvimento do agronegócio, visto que a regularização da propriedade junto ao Incra é o primeiro passo de qualquer cadeia produtiva no campo. e também da reforma agrária.

------------------

RESPOSTA DA CNASI

Prezado Camilo
O cartaz tinha como objetivo chamar a atenção para a situação do Incra e MDA. Isso nós conseguimos. Tecnicamente falando o panfleto tem os elementos básico que deveria ter: humor, cores fortes, mensagem, frase chamativa, imagens, identificação. Foi usado um trecho de música de sucesso mundial para atrair a atenção do público, sem qualquer outra intenção. Poderia ser diferente? Certamente que sim! Mas na pressa essa arte foi escolhida.
Abraço
Reginaldo
Citar
 
 
0 #4 RE: INCRA E MDA PARALISAM ATIVIDADES EM 90 PORCENTO DAS SUAS UNIDADES NO BRASILJOÃO BOSCO ARUJO RODRIGUES 26-04-2012 11:37
Estamos de parabéns, mais é preciso itensificar as lutas. 30 servidores da SR01, aproximadamente estiveram presente na Praça da República e passeata a Receita Federal em Belém. Recomposição de 22,08%, data base 1 de maio, retorno da politica salarial, e contra a PL549/9 que congela por mais 10 anos os salários dos SPF. BASTA DE AUSTERIDADE!
Citar
 
 
+2 #3 PanfletoFernanda 26-04-2012 10:48
Reginaldo;

Parabenizo a Cnasi pela luta. Aqui no Paraná também paramos ontem, e participamos de passeata juntamente com os servidores da UFPR. Mas desculpe, esse panfleto não ficou muito bom no que diz respeito ao refrão da música. Quem viu esse refrão, aqui no Paraná, não gostou.
Citar
 
 
0 #2 emailServidores da Unidade Avançada de Imperatriz 26-04-2012 09:37
Gostaria de saber o email para onde mandar os nossos relatos e fotos? Agradecemos pela oportunidade!

-----------------

RESPOSTA DA CNASI

Envie para os e-mails oficiais da Cnasi, que estão em baixo desta página de internet - diretoria@cnasi .org.br e comunicacao@cna si.org.br
Abraço
Reginaldo
Citar
 
 
0 #1 Paralização na UA-IPZServidores da Unidade Avançada de Imperatriz-MA 25-04-2012 22:56
Caro Reginaldo, a paralização por aqui foi completa!!!Gost aríamos que divulgasse o nosso movimento!!! (ou não da mais para editar a matéria, para qual email enviamos o nosso material?)
Há mais de 5 anos não fazíamos movimentação semelhante!!Tod a a imprensa local cobriu a nossa paralização, ou seja, sucesso absoluto!

------------

RESPOSTA DA CNASI

Caros servidores do Incra em Imperatriz

A matéria pode ser editada a qualquer momento.
Nos envie fotos e mais relatos.
Abraço
Reginaldo
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Blogs das Regionais

Links Úteis

sindsepdfasseraincracutfassincracnasi_lutas