Quarta, 29 Junho 2011 22:44

CINCO DE JULHO É A DATA LIMITE PARA APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA PELO GOVERNO, APÓS ISSO GREVE GERAL DEVE SER DEFINIDA

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

IMG_1804_3As entidades nacionais representativas das categorias de servidores públicos federais estão convocando todos os profissionais do País para um dia de mobilização / paralisação nacional como forma de pressionar o governo a apresentar proposta que atendam suas reivindicações. Essa data é 5 de julho, terça-feira, chamada por muito como “DIA D” do serviço público em 2011.

 

Isso, porque após essa data e na possibilidade de não apresentação de proposta que atenda minimamente as reivindicações os servidores públicos federais, entre os quais o INCRA, pode ser definido o início de greve nacional, abrangendo todos os órgãos.

 

Inserção do INCRA

 

Os servidores do INCRA em todo o País estão sendo convocados pela Cnasi e suas associações para realizarem dois dias de mobilizações / paralisações nas sedes das superintendências regionais e Unidades Avançadas, na segunda e terça-feira (dias 4 e 5 de julho), como forma de pressionar o governo a atender as reivindicações de toda a categoria.  O dia 5 de julho, terça-feira, é emblemático, pois é a data limite para o governo apresentar uma proposta consolidada, segundo deliberou a plenária da Condsef do dia 27 de junho último.

 

A inserção dos servidores do INCRA e suas reivindicações nestas atividades nacionais tem por objetivo o atendimento de demandas há muito reprimidas, como valorização de profissionais de carreira da autarquia, remuneração compatível com a importância de suas atividades, plano de capacitação que melhor o prepare, gestão coerente e competente, etc.

 

Para se ter ideia do descaso do governo com o INCRA, o acordo assinado em 2007 ainda não foi integralmente cumprido. Gratificação por Qualificação (GQ) e Retribuição por Titulação (RT) são apenas sonhos para milhares de servidores desta autarquia.

 

Cerca de 30 porcento dos servidores de níveis intermediário e auxiliar do INCRA possuem graduação superior, mas não existe nenhum retorno financeiro por isso. Eles deveriam receber GQ. O mesmo ocorre com o pessoal de nível superior que tem pós-graduação e não é beneficiado com a RT.

 

Isso, sem contar os casos de assédio moral promovidos pelos gestores desqualificados com os quais os servidores do INCRA têm o desprazer de conviver. Quanto à capacitação, o ideal é a criação de uma escola de governo sobre reforma e desenvolvimento agrário que atendesse os servidores da autarquia em atividades de qualificação, bem como na produção de conhecimento sobre temas relacionados às atribuições do INCRA e MDA.

 

Neste contexto, a Direção Nacional da Cnasi convidou os integrantes da Diretoria Colegiada da entidade para uma reunião na quinta-feira (7/7), para tratar diversos temas relacionados à pauta dos servidores e assuntos de cunho mais amplo. Outros servidores do INCRA que estejam em Brasília representando seus Estados ou associações podem participar da referida reunião.

 

Para esta mesma data, uma reunião com o presidente do INCRA, Celso Lacerda, também foi solicitada à sua Chefia de Gabinete. O encontro com Lacerda deverá ocorrer ao final da reunião da Colegiada da Cnasi.

 

Programação da CUT

 

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) também tem atividades nesta semana. A entidade decidiu realizar no próximo 6 de julho, quarta-feira, um Dia Nacional de Mobilização em defesa da classe trabalhadora. Diversas entidades estão participando deste chamado, que tem na pauta assuntos relacionados à demanda do INCRA, do MDA e de seus servidores.

 

Entre essas propostas estão: defesa da reforma agrária, aprovação da PEC do trabalho escravo, do limite de propriedade da terra para diminuir a enorme concentração hoje existente; a mudança do modelo agrário, com a ampliação dos recursos e de políticas publicas para a agricultura familiar, que é responsável por 70% dos alimentos que chegam a mesa dos brasileiros (as); a luta contra os agrotóxicos e contra os especuladores do agronegócio.

 

Mais informações sobre o Dia Nacional de Mobilização promovido pela CUT pode ser acessado no link abaixo:

 

http://www.cut.org.br/cut-em-acao/43/a-cut-e-diferente-das-outras-centrais

 

Segue abaixo também duas convocatórias da Condsef, para os dias 7 e 8 de julho, em Brasília:

 

PROGRAMAÇÃO DA CONDSEF

 

CONVOCATÓRIA AO CDE

 

A Diretoria Executiva convoca o Conselho Deliberativo de Entidades (CDE) para uma reunião no dia 07/07/2011, às 9 horas, no auditório Luiz Fernando A. Campis (sede da CONDSEF), para discutir e encaminhar a seguinte pauta:

• Informes;

• avaliação da conjuntura / negociações;

• calendário de atividades;

• outros assuntos;

• encaminhamentos.

 

 

CONVOCATÓRIA – PLENÁRIA NACIONAL

 

A Diretoria Executiva da CONDSEF convoca a base de suas filiadas para participarem da Plenária Nacional da CONDSEF, dia 08/07/2011, às 9 horas, no auditório Luiz Fernando A. Campis (sede da CONDSEF), para discutir e deliberar sobre a seguinte pauta:

• Informes;

• avaliação da conjuntura / negociações;

• plano de lutas

• calendário de atividades;

• encaminhamentos.

 

Fonte: Ascom Cnasi

Ler 2446 vezes Última modificação em Sexta, 15 Julho 2011 18:24